Izertis

A Izertis e o grupo de pesquisa transnacional encarregado do projeto Dressing4scars reúnem-se

Nos passados dias 6, 7 e 8 de maio realizou-se em Guimarães, Portugal, uma reunião para falar sobre a evolução do projeto europeu Dressing4scars para apresentar os progressos no novo penso rápido inteligente de impressão 4D que melhora as cicatrizes da pele. Na reunião, a Izertis, em conjunto com a Universidade do Minho, o Royal Surgeon College da Irlanda e o Idonial, encarregados de coordenar o projeto, tiveram a oportunidade de trocar informações e de dar a conhecer os seus progressos respeitantes ao penso inteligente que se está a desenhar para evitar a formação de cicatrizes na pele.

O objetivo que a equipa da Izertis e o Idional têm pela frente, liderado por Joaquín Cabezas, Jairo Fraga, Alberto González, Manuel Alejandro Fernández, Daniel Álvarez e Helena Herrada, é o de desenvolver, utilizando uma abordagem disruptiva baseado na impressão 4D, um penso para pele sensível, inteligente e personalizado, capaz de evitar a formação de cicatrizes na pele enquanto se curam as feridas por excisão.

O projeto Dressin4scars, financiado pela IDEPA e pelo programa M-ERA.NET Transnational Call 2016 pode considerar-se, portanto, um novo conceito revolucionário que vai mais além da fabricação aditiva. Transforma-se numa tecnologia de bioimpressão 4D com enorme potencial que será fundamental para os tratamentos de vanguarda atuais e futuros a realizar na medicina regenerativa.